Tempo de leitura: 2 minuto(s)

Chegou mais um dia das mães. A data comercial em que todos lembram de suas mães, mas sempre a colocando no papel de mãe, nunca de mulher. A data onde receber uma panela, ou um eletrodoméstico virou clichê, não que a gente não goste, mas que a gente está um pouco cansada de sermos lembradas apenas por cozinhar, lavar, passar para nossos filhos/maridos.

A gente está um tanto fadigada de ser julgada, colocada no papel de imaculada. Um pouco, aliás, muito cansada de não ter apoio, de ser julgada pelas nossas escolhas, que nem sempre são escolhas, mas condições que temos, ou seja, nossa realidade é apontada não só pela sociedade, mas também por outras mulheres.

Chegou aquela data que nos anulam como mulher. Um batom? Uma lingerie, uma cerveja, ou uma balada de presente pra minha mãe??? Absurdo para alguns que ainda têm a mente de que somos apenas os úteros que os pariram (ou não – mães adotantes, lembramos de vocês também), que muitas vezes, não são aceitas ou vistas como mães porque não “pariram”, mas porra, vocês cuidam, vocês amam, vocês também abdicam de um monte de coisas, (sociais), então sim, vocês também estão nessa.

Resolvi perguntar para algumas mulheres: “O que você espera do dia das mães”, e o resultado, você confere aqui: (clique na imagem para ampliar)

 

Ah, e quem for filho, desconstrua sua visão do que é ser mãe. A veja como um ser humano, uma MULHER.

FELIZ DIA DAS MÃES!

Quer compartilhar? Todas as frases estão na nossa página: http://bit.ly/2jQl2S4

 

Autora:

 

Joice (Jo). Mãe de 1, comunicadora, adoradora de memes e deboches. Idealizadora deste projeto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui