Tempo de leitura: 2 minuto(s)

Eu não estava sozinha com meus filhos! A avó e o pai estavam em casa, mas eles bateram na porta do banheiro até que eu abrisse. Geralmente, é raro até mesmo eu fechar a porta, já que eles estão sempre junto a mim, mas naquele dia eu só queria 5 minutos sozinha.

Ao abrir a porta, Pedro sentou em minha frente e disse: “Quero ficar perto de você, mamãe!”. Fiquei confusa sobre o que senti naquele momento, confesso! Eu também gosto de ficar perto deles, mas não o tempo todo, mas não quando uso o banheiro, durante o banho. Nem sempre, nestes momentos, eu gostaria que eles estivessem com os olhinhos redondos arregalados a me encarar.

Tenho conversado com mães que se sentem culpadas por estarem esgotadas. Se sentem fracassadas por desejarem um momento de descanso. Se sentem “menos mães” por sentirem saudade da vida sem os filhos.

A maternidade real nem sempre é exposta nas redes sociais. Mães que se espelham em perfis modelos de mães perfeitas, que não erram, que não se cansam, que não se estressam.

Mães que comparam sua vida real com as imagens maravilhosas postadas no dia a dia do Instagram, hoje eu venho aqui para lhe dizer que os filhos, são filhos e não escolhem a casa, posição social ou profissão para se comportarem bem ou mal.

Filhos da blogueira também acordam a noite, também solicitam presença o tempo todo, também as deixam se cabelo em pé. Filhos da professora também dão trabalho na escola. Filhos da psicóloga também faz birra no parquinho.

Estou aqui para lhe dizer que as mães, mesmo as que não dizem, também se cansam, também choram, também se sentem perdidas. Estou aqui para dizer que não existe uma mãe perfeita nem, tampouco, uma maternidade desprovida de cansaço!

Você não é uma mãe ruim por desejar um tempo sozinha. Você só está cansada! Cansada da rotina, e não dos filhos! E só existe um remédio para o cansaço: o descanso.

Aceite suas fragilidades, reconheça seus anseios e cuide de você! Se estiver bem, seus filhos também ficarão!


Autora: Meu nome é Joice Resplande, tenho 30 anos, sou Psicóloga Obstétrica especialista em maternidade. Mãe do Pedro de 3 anos e da Geovana de 1 ano. Instagram: @joiceresplande

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui