Tempo de leitura: 2 minuto(s)

A mãe que “gostariam” que você fosse…

Pausa a carreira profissional para se dedicar ao filho, mas também tem que trabalhar fora, afinal, ela precisa da sua independência financeira, e os filhos crescem, seguem suas vidas, e nem se lembrarão do tanto que ela se dedicou;

Amamenta o bebê desde o primeiro dia de vida dele, mas não pode amamentá-lo por muito tempo, afinal, é “feio” um meninão mamando no peito;

Dá as papinhas amassadinhas feitas na hora, afinal, congelar os alimentos faz com que se perca os nutrientes, mas os oferece em método BLW, pois é a melhor opção;

Não fica com o menino no colo o tempo todo, para que ele não fique “mal acostumado”, mas também nina ele no colo para que ele durma no seu aconchego, e se ele chorar ao ser colocado no berço ela deve estar pronta para atendê-lo imediatamente, pois é isso que se espera de uma boa mãe;

Não pode deixar a sua vaidade de lado, precisa se cuidar, vai que o marido “arruma outra”, mas se veste de um jeito que nem parece que é mãe;

Precisa sair de vez em quando só com o marido para que o casamento não caia na rotina, mas onde já se viu, saírem e deixar o filho por aí para se divertir tá errado isso;

Tem que ter um tempo para sair com as amigas sem o filho, afinal ela não é somente mãe, mas como assim saiu sem o filho? Deixou-o com o pai? Como que ela pode confiar, ninguém cuida melhor do que ela;

Deve corrigir seu filho e ser firme, não pode deixá-lo fazer o que quer não, mas se ela fizer isso dirão: “Nossa você viu o jeito que ela falou com o coitadinho? Que mãe sem coração”;

Precisa colocar o filho na escolinha, para que ele conviva com outras crianças e se desenvolva melhor. “Mas como pode ela deixar uma criancinha tão pequena na escola? ela quer terceirizar o cuidado com o filho para terceiros isso sim”.

Por isso eu te digo, você não deve ser a mãe que “esperam” que você seja. Você deve ser a mãe que o seu filho precisa, da forma que você acredita ser o melhor para ele. Isso sim é o que realmente importa. Já o que os outros dizem ou pensam isso é problema deles e não seu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui