Mulheres-mães protagonistas da própria história

A culpa é sempre da mulher

A culpa é sempre da mulher

Compartilhe esse artigo

É culpa dela ter acabado.
Não aguentei mais.
Mulher louca.
Ciumenta.
Não posso ter amigas?
Não posso ser carinhoso com elas que ela surta?
Deus me livre.
É culpa dela!

Dela?
Tem certeza?
A culpa é dela se você sempre deu em cima das suas amigas e dizendo que era coisa da cabeça dela?

A culpa é dela se você destruiu sua confiança e depois se desculpou, chorou e implorou para ela não te deixar para fazer a mesma coisa na outra semana?

Tem certeza de que a culpa é dela?

Se você dizia que estava apenas conversando com alguém que já esteve interessado e trocavam fotos sensuais?

Se ela descobria isso sempre das piores formas possíveis?

A culpa é dela de saber que quando você está sendo muito carinhoso com alguém, provavelmente voltou a acontecer?

A culpa é dela de você não ser atencioso e tão carinhoso com ela, e ela ter que ver suas demonstrações públicas de afeto com suas “amigas”?
Sabe qual é a culpa dela?

Ter acreditado que você mudaria, como disse que faria um milhão de vezes.

A culpa dela foi amar um moleque!
A culpa dela foi amar mais você do que ela mesma!
Mas veja só como a vida avalia culpados, ela é feliz, mesmo sozinha ou com alguém.

Enquanto você é só mais um moleque assustado e desesperado, que atira para todos os lados e não é amado. Isso, se um dia souber o que é amor!

Por Jéssica Brasil.

Compartilhe esse artigo

Leitura relacionada

Últimos Artigos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *