Mulheres-mães protagonistas da própria história

COLUNA | Aproveita o agora

Compartilhe esse artigo

A exaustão materna faz a gente parar de dar valor pro aqui. Pro agora.

Eu sei, eu te entendo.
Dói a privação de sono.
Dói a mudança de hábitos e rotina “do nada”.
Dói a instabilidade emocional.
Dói o peito quando os dentes do bebê nascem e ele “quer testar” mordendo o peito, e mesmo ferido, você tem que dar de mamar.
Dói a mudança de vida.
Dói a mudança nas relações.
Dói a morte de quem você era pra virar, peraí, quem mesmo, hein? Será que me tornei já quem sou pós maternidade ou ainda é um processo de ano?
Dói. A maternidade definitivamente dói. E é uma dor leva a um cansaço. Estafa mental. Exaustão.
E nesses momentos tudo que a gente quer é que o tempo vá de pressa.
Que o bebê demande menos.
Que dependa menos.
Que cresça.
Mas, hey: eu também sei que você ama ver cada passo novo que ele dá, cada descoberta e assim você vai descobrindo um mundo novo. O mundo novo que é ser mãe desse bebê aí.
Então agora, eu escrevo, como quem escreve um lembrete na porta da geladeira pra olhar todo dia: aproveita o agora.
Aproveita o agora, seu bebê nem vai caber no seu colo pra dormir como se ainda estivesse no útero daqui há uns meses.
Aproveita o agora, seu bebê vai aprender a ter habilidades físicas e tudo que ele menos vai querer é ficar grudadinho o dia todo.
Aproveita o agora, em meses, juro, em meses ele será outro bebê e terá hábitos completamente diferentes.
Aproveita o agora, a amamentação não é pra sempre. 1 ano, 2 talvez e você pode chegar no seu limite. Aproveita enquanto ainda é delicioso.
Aproveita. Aproveita. Aproveita. O agora é tudo que você tem.
E daqui a pouco você vai implorar pra essa fase, sim, essa mesmo, desafiadora pra um caramba, voltar, nem que seja… por um dia sequer.

Compartilhe esse artigo

Leitura relacionada

Últimos Artigos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *