Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Mãe. Palavra pequena, mas de responsabilidade gigantesca.

Ser mãe é abdicar daquela cervejinha bem gelada todos os dias e daquele copinho de vodka nas noitadas.

Ser mãe é ter que comer aquelas frutas e verduras que você detesta só porque alguém ali dentro de você precisa.

Ser mãe é lidar com o sono de todas horas e não poder dormir.

Ser mãe é querer comer de 30 em 30 minutos mesmo sabendo que em menos de 5 minutos você já está colocando tudo pra fora.

Ser mãe é ganhar quilinhos e não caber mais naquele vestido tubinho que você ama ou aquela calça que te deixa com um bumbum bonito.

Ser mãe é saber lidar com espinhas, cabelo ressecado ou oleoso e não poder fazer nada a respeito.

Ser mãe é ficar sem fazer química no cabelo.

Ser mãe é, ter dor na coluna, ter pés inchados, é chorar sem motivo.

Ser mãe é, ter que levar agulhadas praticamente todo mês.

Ser mãe, às vezes, é abdicar daquele docinho só porque sua taxa de glicose está alta.

Ser mãe é, tentar manter a paciência porque sua pressão pode aumentar.

Ser mãe é, aguenta as terríveis contrações, a anestesia.

Ser mãe é, acordar de madrugada para amamentar.

Ser mãe é, levantar da cama mesmo com dor só para sentir a respiração do seu filho e saber que está tudo bem.

Ser mãe é, chorar de dor nos seios, mas continuar amamentando porque não existe imagem mais linda do que o seu filho se alimentando de você.

Ser mãe é, tomar banho em 5 minutos porque seu filho quer mamar.

Ser mãe é, comer correndo porque seu filho acordou.

Ser mãe é, querer dormir mais 30 minutinhos, mas ter que levantar porque seu filho não quer mais ficar deitado.

Ser mãe é, ter que dar banho de novo porque seu filho fez coco na toalha.

Ser mãe é, não conseguir fazer a unha, nem o cabelo direito.

Ser mãe é chorar, escondida porque está cansada, mas secar as lágrimas e ir cuidar do filho.

Ser mãe é, ficar em casa enquanto todos saem e se divertem.

Ser mãe é, escutar a mesma música toda hora só porque seu filho gosta.

Ser mãe é, escutar Galinha Pintadinha, Mundo Bita, Show da Luna, Meu Amigazão, querendo ver Telecine, HBO, séries, etc.

Ser mãe é, ser recompensada por isso tudo com um sorriso banguela mais lindo do mundo.

E, apesar de todas as coisas ditas, ser mãe é a coisa mais maravilhosa do mundo, mas você só vai conseguir entender quando for uma.

Autora

Flávia, 23 anos, estudante de administração e apaixonada pela maternidade.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui